Trem Transcultural

Human Mobility

Este Piloto para um Trem Transcultural procura testar a viabilidade da realização de uma programação cultural em um trem público, conectando centro e periferia do Rio de Janeiro. A idéia é ocupar o um trem inteiro, partindo da Estação Central do Brasil e chegando a Estação da Madureira, com um programa cultural de oficinas, instalações  e performances, transformando o tempo do transporte em uma experiência criativa. O prefixo ‘trans’ sugere tanto um movimento de ‘ir além’, como de ‘passar através de’ e ainda de ‘se deixar atravessar’ por aquilo que se atravessa. A idéia do projeto piloto é ocupar apenas um vagão do trem, como uma prévia do trem transcultural, buscando gerar momentos de irrupção na cidade – invasão súbita, entrada brusca e impetuosa – que provoquem questionamentos, incômodos e reflexões em torno à falta de conexões entre pessoas, processos, objetos e áreas urbanas na cidade.

Artistas-Pesquisadores do Lab Criativo: Cecilia Dinardi, Charles Feitosa, Alexandra Vannucci, Slow Dabf